A Educação segundo o Espiritismo

Citações que inspiraram nosso projeto:

 

• “A alma ao aprender, recorda.” – Platão

• “A ciência que cuida do corpo é chamada medicina. A ciência que cuida da alma, se chama Educação.” – Santo Agostinho.

• “Educação é um ato de amor pelo qual uma consciência formada procura elevar uma consciência em formação.” – Renné Hubert.

 

Visão

O  educando é um ser interexistente.

 

Missão

Desenvolver o educando de forma plena.

 

Instrumento

Pedagogia Espírita.

Considerando o ser como espírito eterno, a tarefa educativa é de atuar sobre a consciência espiritual.

Horários - Infância e Pré-mocidade

SÁBADOS: das 9h30 as 11h30

A partir de 20 de FEVEREIRO

O Lar Espírita Amor e Luz tem em seu bojo, o Projeto Educandário Amor e Luz, ideal acalentado desde antes de sua constituição oficial, em 24 de fevereiro de 2002.

 

Em nossa intensa vontade, buscamos a realização desse projeto e com a certeza da sustentação e auxílio de nossos mentores espirituais, temos o aval para prosseguir com essa obra. A consciência alavancada pela união, é o alicerce de nosso trabalho.

 

Apresentamos aqui as informações preliminares da conduta educacional que pretendemos adotar.

Abrace o educandário e junte-se a nós, só está faltando você.

 

Princípios Básicos do Projeto Educandário Amor e Luz:

1- Quanto ao educando:

Liberdade – amparada e assistida (dentro das leis Divinas). Abolindo a educação impositiva que tenta “moldar”.

Igualdade – com singularidade, respeitando as individualidades.

Ação – aprender fazendo.

Amor- relação profunda entre educando e educador (que respeita sem ser indiferente)

Considerando a criança

Como ser reencarnado Como ser interexistente

Considerar a bagagem.

Descobrir vocação.

Observar tendências, habilidades e gostos, se boas, estimular, se não, trabalhar para transformá-las.

A vida é um processo evolutivo, e como tal tem sentido pedagógico.

Focando o trabalho educativo nos alicerces, para orientação e formação do homem novo, fundamentada com bases em:

Jean Jacques Rousseau

Pestalozzi

 

2- Quanto à escola:

O Processo Educacional é um processo permanente de ações concretas, sem competitividade e sim, cooperação.

Adotando um método de aprendizado em ambiente livre e afetivo, com uso de salas somente para a produção de textos e conteúdos e abolição de castigos e recompensas.

Desenvolvendo projetos interdisciplinares para alcançar uma educação integral, que promova a ligação entre ciência, ética e filosofia.

Formando uma escola social, universal oportunizando conhecer todas as religiões e cultivando a espiritualidade (idéia de que somos seres divinos, cidadãos do infinito).

Promover atividades que estimulem a produção intelectual, com valor estético e ético.

3- Quanto ao educador:

Ser um agente de mobilização da vontade do educando, promovendo o despertar para o crescimento.

 

“DISCIPLINA COM AMOR” – Irmã Laís

 

3.1 – Pré- requisitos básicos para o educador:

Profundo amor à criança e ao jovem (empatia, gostar de estar com)

Engajado no processo de auto- educação

Estar em constante processo de melhoria moral, emocional, espiritual e intelectual

 

4 – A Educação Espírita

Segundo Allan Kardec, é uma questão de essência, não de forma, fundo ou de superfície.

 

Primeiro século: 18 de abril de 1857 – período de consolidação da Doutrina Espírita.

Segundo século: de expansão e integração cultural, com suas raízes profundas no conhecimento de grandes filósofos como:

Platão

Sócrates

Rousseau

Confúcio

Buda

Jesus, o Mestre dos mestres.

 

“Se a ordem social colocou homens sob sua dependência, trata-os com bondade e benevolência porque são iguais perante Deus; usa de sua autoridade para lhes erguer a moral e não para os esmagar com seu orgulho”. (Q918-LE)

 

Ao tomarmos conhecimento de toda essa grandeza de princípios, como educadores e eternos educandos ao longo de nossas vidas, nós só podemos ter uma certeza; a de que Deus em sua misericórdia infinita continue nos amparando.

 

“Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim” (Chico Xavier).

 

Obras consultadas:

PIRES, José Herculano. Tradução de O Livro dos Espíritos. FEESP. 8ª ed. 1995.

INCONTRI, Dora. A Educação Segundo o Espiritismo. Editora Commenius, 2004.

 

Projeto elaborado por Maria de Sousa Ribeiro

Pedagoga – Pós-graduada em Pedagogia Espírita

Projeto: Educandário Amor e Luz

Lar Espírita Amor e Luz - Rua Santa Lúcia, 392 – Vila Paraíso, Guarulhos, SP